segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Torrente Sanguínea



Ela passa as pontas dos dedos sobre as veias do meu braço,
Sorri de leve,
Deliciosamente,
Parece que, por segundos,
Enxerga através das falanges enquanto me toca...

E meu sangue segue por ali,
Correndo por ela,
Se eu encontrasse palavras pra lhe contar,
Lhe diria o quanto irriga minha vida,
Dia após dia...

Por enquanto,
Ela me vê arrepiar...
Eu que me arrepio, só de vê-la sorrir.


9 comentários:

Gabriela disse...

E eu que me arrepio só por te ouvir... pela tua existência...

Mari Henriques disse...

Eu simplesmente AMEI a foto!

Athila Goyaz disse...

O sangue jorra por ela!

Stella Tavares disse...

Escrevi um livro virtural e o dediquei a todos os seguidores e leitores do manual. Espero que aceitem este singelo presente. Aproveito o ensejo para desejar a todos um natal regado de muita paz e comunhão e um 2010 repleto de paz, saúde e que o melhor se realize. Sempre!
Bjs a todos e até 2010!
Querido Elinson Martins, obrigada pela enriquecedora parceria. Espero que leia e livro e, se gostar, ajude-me a divulgá-lo.
Um lindo natal para você e todos os seus.
http://www.bookess.com/read/2310-o-manual-do-inseguro/

Sanches, R. disse...

Sensacional... dá pra sentir na pele a emoção que vc passa! parabébs! =)

Rute disse...

Olá passando aqui para conhecer seu blog!Parabéns, gostei das postagens!
Beijinhos a vc
www.rute-rute.blogspot.com

Marcinha disse...

Cada vez que passo por aqui fico me pergntando se um homem sensível e apaixonado (omo em seus textos)existe mesmo ou se é pura fantasia...

Adorei, maaais uma vez.

bj

ju peres disse...

e eu me arrepio... só de ler!
xD

Euzinh@ disse...

Oie, quero dizer à vc que gostei muito do treu blog.
Você postou lindas mensagens.
Deus abençoe tanta inspiração
Até
Elly